Salve amigos do S4,
Vamos falar aqui dos maiores tabus envolvendo o “Super Four Paulista”.
Quem de vocês já não tirou aquele sarro do adversário quando seu time ficou um tempão sem perder pro rival?
Abaixo vocês poderão conferir os maiores tabus dos clássicos paulistas e, claro, poderão comentar a vontade com argumentos e opiniões controversas, por que se não houvesse discussão, não seria futebol.

PALMEIRAS X CORINTHIANS | O DÉRBI

Considerado por muitos uma das maiores rivalidades do mundo, o maior tabu da história do clássico pertence ao Palmeiras.
O inicio da invencibilidade Alviverde inicou na década de 30, mais precisamente em partida válida pelo Campeonato Paulista, com a goleada de 4 x 0 a favor do Palmeiras.
Ao todo foram dez jogos de supremacia, dez vitórias!
A farra Palestrina acabou em 30 de setembro de 1934, com uma vitória Corinthiana por 2 a 0 (gols de Zuza).
A sequência invicta a favor do Alvinegro de Parque São Jorge somam nove jogos.
De novembro de 1970 a agosto de 1973, foram três vitórias e sete empates.
As 10 vitórias do tabu Palmeirense
Campeonato Paulista 05/08/1934 Palmeiras 3 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 06/05/1934 Corinthians 1 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 05/11/1933 Corinthians 0 x 8 Palmeiras
Torneio Rio-São Paulo 05/11/1933 Palmeiras 8 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 07/05/1933 Palmeiras 5 x 1 Corinthians
Torneio Rio-São Paulo 07/05/1933 Corinthians 1 x 5 Palmeiras
Campeonato Paulista 06/11/1932 Palmeiras 3 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 15/11/1931 Palmeiras 3 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 29/03/1931 Palmeiras 3 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 24/08/1930 Palmeiras 4 x 0 Corinthians
A sequência Corinthiana
Campeonato Paulista 05/08/1973 Corinthians 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 04/04/1973 Corinthians 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 01/11/1972 Palmeiras 0 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 30/07/1972 Palmeiras 0 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 23/04/1972 Corinthians 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 15/08/1971 Corinthians 0 x 0 Palmeiras
Campeonato Paulista 13/06/1971 Palmeiras 0 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 25/04/1971 Corinthians 4 x 3 Palmeiras
Torneio Roberto
Gomes Pedrosa 22/11/1970 Corinthians 1 x 1 Palmeiras

SANTOS X PALMEIRAS | O CLÁSSICO DA SAUDADE

A longínqua década de 10 e 20 reservou a maior série invicta do “Clássico da Saudade”, e essa sequência pertence ao Alviverde, num total de quatorze jogos.
Absoluto no período, o Palmeiras venceu em treze oportunidades, com apenas um empate.
A invencibilidade começou em julho de 1917, na goleada Palmeirense de 5 x 1, em jogo válido pelo Campeonato Paulista.
O tabu duraria até agosto de 1928, no único empate da série.
A hegemonia Alvinegra é mais recente, o Campeonato Paulista de 1980 abriria a sequência invicta do Santos.
No total foram doze jogos, com cinco vitorias e uma avalanche de empates, sete.
O tabu permaneceu até o Brasileiro de 1984.
Os 14 jogos de tabu Alviverde
Campeonato Paulista 26/08/1928 Santos 2 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 04/03/1928 Santos 2 x 3 Palmeiras
Campeonato Paulista 22/01/1928 Palmeiras 4 x 1 Santos
Campeonato Paulista 06/06/1926 Santos 2 x 3 Palmeiras
Campeonato Paulista 10/05/1925 Santos 0 x 3 Palmeiras
Campeonato Paulista 06/05/1923 Santos 0 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 26/11/1922 Palmeiras 2 x 0 Santos
Campeonato Paulista 20/11/1921 Palmeiras 6 x 1 Santos
Campeonato Paulista 22/05/1921 Santos 2 x 4 Palmeiras
Campeonato Paulista 30/05/1920 Santos 2 x 3 Palmeiras
Campeonato Paulista 01/11/1919 Palmeiras 4 x 1 Santos
Campeonato Paulista 31/08/1919 Santos 0 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 23/09/1917 Santos 0 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 08/07/1917 Palmeiras 5 x 1 Santos
A série invicta Santista
Campeonato Brasileiro 17/03/1984 Palmeiras 2 x 2 Santos
Campeonato Paulista 09/10/1983 Santos 2 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 10/07/1983 Palmeiras 2 x 2 Santos
Campeonato Brasileiro 20/04/1983 Santos 2 x 2 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 13/04/1983 Palmeiras 0 x 1 Santos
Campeonato Paulista 23/11/1982 Santos 6 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 19/09/1982 Palmeiras 1 x 3 Santos
Campeonato Paulista 08/11/1981 Santos 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 01/11/1981 Palmeiras 2 x 3 Santos
Campeonato Paulista 13/09/1981 Palmeiras 0 x 0 Santos
Campeonato Paulista 05/07/1981 Santos 1 x 0 Palmeiras
Campeonato Paulista 14/09/1980 Santos 0 x 0 Palmeiras

CORINTHIANS X SANTOS | O CLÁSSICO ALVINEGRO

A maior invencibilidade envolvendo os dois alvinegros é a favor do time da Baixada, foram onze anos, vinte e dois jogos, mas há controvérsias.
Durante esse período o Santos marcou incríveis 67 gols — média superior a três gols por jogo.
O Corinthians, por sua vez, fez 30 gols.
Só Pelé, o grande algoz Corinthiano, marcou em 28 oportunidades, Coutinho fez 13 e Pepe 10.
Pelo lado do Corinthians, o artilheiro foi Flávio, com 6 gols.
O tabu começou em 1957, se arrastando por longínquos 11 anos, caindo precisamente em 6 de março de 1968, por 2 x 0, no Pacaembu.
O Corinthians de Rivelino, enfim, superava o Santos de Pelé.
Após o apito final a Fiel gritava: “Com Pelé e com Edu, nós quebramos o tabu!” (Pelé e Edu eram os maiores ídolos santistas da época).
O atacante Corinthiano Paulo Borges foi alçado a ídolo alvinegro, sendo lembrado até hoje por ser um dos responsáveis diretos pela quebra do tabu.
Os Alvinegros de Parque São Jorge não concordam com tal período de hegemonia, uma vez que o tabu ocorreu apenas em jogos válidos pelo Campeoanto Paulista. Nesse mesmo período o Corinthians venceu o Santos por quatro vezes, em 1958, 1960, 1961 e 1962, que diminuiria o tabu para cinco anos e oito meses.
Mas o que ficou eternizado foram os 11 anos sem vitórias do Corinthians pra cima do Santos.
Os 22 jogos do Tabu
Paulista 03/11/1957 Corinthians 3 x 3 Santos
Paulista 22/12/1957 Santos 1 x 0 Corinthians
Paulista 14/09/1958 Corinthians 0 x 1 Santos
Paulista 07/12/1958 Santos 6 x 1 Corinthians
Paulista 26/08/1959 Corinthians 2 x 3 Santos
Paulista 27/12/1959 Santos 4 x 1 Corinthians
Paulista 31/07/1960 Santos 1 x 1 Corinthians
Paulista 30/11/1960 Corinthians 1 x 6 Santos
Paulista 17/08/1961 Corinthians 1 x 5 Santos
Paulista 03/12/1961 Santos 1 x 1 Corinthians
Paulista 23/09/1962 Santos 5 x 2 Corinthians
Paulista 04/11/1962 Corinthians 1 x 2 Santos
Paulista 22/09/1963 Santos 3 x 1 Corinthians
Paulista 14/12/1963 Corinthians 2 x 2 Santos
Paulista 01/10/1964 Santos 1 x 1 Corinthians
Paulista 06/12/1964 Corinthians 4 x 7 Santos
Paulista 29/08/1965 Santos 4 x 3 Corinthians
Paulista 14/11/1965 Corinthians 2 x 4 Santos
Paulista 08/10/1966 Santos 3 x 0 Corinthians
Paulista 17/12/1966 Corinthians 1 x 1 Santos
Paulista 10/09/1967 Corinthians 1 x 2 Santos
Paulista 10/12/1967 Santos 2 x 1 Corinthians
Os jogos vencidos pelo Corinthians no Período
Rio – SP 27/03/1958 Corinthians 2 x 1 Santos
Rio – SP 21/03/1960 Corinthians 2 x 1 Santos
Rio – SP 29/03/1961 Corinthians 2 x 0 Santos
Torneio Nacional 16/06/1962 Corinthians 3 x 1 Santos
Considerando todos os campeonatos o equilíbrio é absoluto, dezenove jogos de invencibilidade para cada lado.
A sequência Santista
Campeonato Paulista 16/08/1961 Corinthians 1 x 5 Santos
Campeonato Paulista 03/12/1961 Santos 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 23/09/1962 Santos 5 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 04/11/1962 Corinthians 1 x 2 Santos
Torneio Rio-São Paulo 03/03/1963 Santos 2 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 22/09/1963 Corinthians 1 x 3 Santos
Campeonato Paulista 14/12/1963 Corinthians 2 x 2 Santos
Torneio Rio-São Paulo 18/03/1964 Santos 3 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 30/09/1964 Santos 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 06/12/1964 Corinthians 4 x 7 Santos
Torneio Rio-São Paulo 15/04/1965 Santos 4 x 4 Corinthians
Campeonato Paulista 29/08/1965 Corinthians 3 x 4 Santos
Campeonato Paulista 14/11/1965 Santos 4 x 2 Corinthians
Torneio Rio-São Paulo 27/03/1966 Corinthians 0 x 0 Santos
Campeonato Paulista 08/10/1966 Santos 3 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 17/12/1966 Corinthians 1 x 1 Santos
Torneio Roberto G. Pedrosa 13/05/1967 Corinthians 1 x 1 Santos
Campeonato Paulista 10/09/1967 Corinthians 1 x 2 Santos
Campeonato Paulista 10/12/1967 Santos 2 x 1 Corinthians
A série invicta do Corinthians
Campeonato Paulista 13/06/1976 Corinthians 0 x 0 Santos
Campeonato Paulista 20/03/1977 Santos 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 29/05/1977 Corinthians 4 x 0 Santos
Campeonato Paulista 04/09/1977 Santos 2 x 2 Corinthians
Campeonato Brasileiro 29/01/1978 Corinthians 1 x 1 Santos
Campeonato Brasileiro 08/04/1978 Corinthians 0 x 0 Santos
Campeonato Paulista 20/08/1978 Santos 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 26/11/1978 Corinthians 1 x 0 Santos
Campeonato Paulista 11/02/1979 Corinthians 2 x 1 Santos
Campeonato Paulista 10/06/1979 Santos 0 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 15/07/1979 Corinthians 1 x 0 Santos
Campeonato Paulista 23/09/1979 Corinthians 0 x 0 Santos
Campeonato Paulista 07/07/1980 Santos 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 05/10/1980 Corinthians 3 x 0 Santos
Campeonato Paulista 31/05/1981 Corinthians 2 x 0 Santos
Campeonato Paulista 27/09/1981 Santos 2 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 22/08/1982 Santos 0 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 21/11/1982 Corinthians 1 x 0 Santos
Campeonato Paulista 31/07/1983 Santos 0 x 0 Corinthians

SÃO PAULO X CORINTHIANS | O MAJESTOSO

Ao contrário do que muitos torcedores pensam, a maior série invicta do Majestoso pertence ao Timão, ao todo foram quatorze partidas de hegemonia, sendo dez vitórias e quatro empates.
A sequência começou em setembro de 1975, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, em jogo que o Corinthians venceu por 1 a 0, dando início assim ao mais longo tabu da história do clássico.
Na época o Corinthinas vivia o período de vacas magras, não ganhava títulos há mais de 20 anos, mas na história do Majestoso quem manda é o Timão.
O tabu se arrastou por quatro anos e um mês.
O maior tabu favorável ao São Paulo é semelhante, aconteceu entre 2003 e 2007.
Foram treze jogos, com oito vitórias e cinco empates.
A hegemonia Alvinegra
Campeonato Paulista 22/11/1979 São Paulo 1 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 16/09/1979 São Paulo 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 26/08/1979 São Paulo 0 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 05/05/1979 São Paulo 2 x 2 Corinthians
Campeonato Paulista 10/12/1978 São Paulo 0 x 0 Corinthians
Campeonato Paulista 05/11/1978 Corinthians 1 x 1 São Paulo
Campeonato Brasileiro 04/12/1977 Corinthians 2 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 02/10/1977 Corinthians 2 x 1 São Paulo
Campeonato Paulista 28/08/1977 Corinthians 2 x 1 São Paulo
Campeonato Paulista 21/08/1977 Corinthians 1 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 17/04/1977 Corinthians 1 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 08/08/1976 Corinthians 1 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 07/03/1976 Corinthians 3 x 2 São Paulo
Campeonato Brasileiro 19/10/1975 São Paulo 0 x 1 Corinthians
A sequência São Paulina
Campeonato Brasileiro 14/07/2007 Corinthians 1 x 1 São Paulo
Campeonato Paulista 11/02/2007 São Paulo 3 x 1 Corinthians
Campeonato Brasileiro 10/09/2006 São Paulo 0 x 0 Corinthians
Campeonato Brasileiro 07/05/2006 Corinthians 1 x 3 São Paulo
Campeonato Paulista 12/03/2006 Corinthians 1 x 2 São Paulo
Campeonato Brasileiro 24/10/2005 São Paulo 1 x 1 Corinthians
Campeonato Brasileiro 08/05/2005 Corinthians 1 x 5 São Paulo
Campeonato Paulista 27/02/2005 São Paulo 1 x 0 Corinthians
Campeonato Brasileiro 19/09/2004 Corinthians 0 x 0 São Paulo
Campeonato Brasileiro 30/05/2004 São Paulo 1 x 1 Corinthians
Campeonato Paulista 15/02/2004 São Paulo 1 x 0 Corinthians
Campeonato Brasileiro 12/10/2003 São Paulo 3 x 0 Corinthians
Campeonato Brasileiro 15/06/2003 Corinthians 1 x 2 São Paulo

SANTOS X SÃO PAULO | O SANSÃO

A maior sequência sem perder no clássico “SanSão” pertence ao São Paulo, num total de dezesseis partidas.
Foram doze vitórias e quatro empates.
A série invicta iniciou em dezembro de 1940, na goleada que terminaria em impiedosos 6 x 1, em partida válida pelo Campeonato Paulista.
O tabu duraria até setembro de 1948.
Numa primeira análise pode parecer um período enorme, e de fato é, mas se levarmos em consideração a quantidade de jogos, a média mostra um pouco menos de duas partidas por ano. Até então tínhamos apenas o campeonato Paulista como disputa.
A partir da década de 60, por exemplo, existiam outros campeonatos, os clubes se enfrentavam de três a cinco vezes anualmente. Possivelmente, não teríamos um período tão grande assim, mas como o “se” não faz parte do futebol, a longínqua sequência é a favor do Tricolor.
Um bom exemplo do citado acima é justamente o período Santista sem perder para os São Paulinos.
Entre Campeonato Paulista e o charmoso Torneio Roberto Gomes Pedrosa, foram apenas dois anos, em contrapartida tivemos onze jogos.
A invencibilidade foi de abril/1967 a novembro/1969.
Os 16 jogos do Tabu Tricolor
Paulista 14/12/1940 São Paulo 6 x 1 Santos
Paulista 18/05/1941 São Paulo 4 x 2 Santos
Paulista 14/09/1941 Santos 3 x 3 São Paulo
Paulista 31/05/1942 São Paulo 4 x 2 Santos
Paulista 02/08/1942 Santos 1 x 5 São Paulo
Paulista 16/05/1943 São Paulo 6 x 1 Santos
Paulista 12/09/1943 Santos 1 x 4 São Paulo
Paulista 18/06/1944 São Paulo 9 x 1 Santos
Paulista 06/08/1944 Santos 0 x 1 São Paulo
Paulista 13/05/1945 Santos 1 x 1 São Paulo
Paulista 19/08/1945 São Paulo 4 x 0 Santos
Paulista 14/07/1946 Santos 2 x 3 São Paulo
Paulista 31/08/1946 São Paulo 2 x 0 Santos
Paulista 27/07/1947 São Paulo 1 x 1 Santos
Paulista 28/09/1947 Santos 1 x 1 São Paulo
Paulista 04/09/1948 São Paulo 3 x 2 Santos
A sequência Santista
Torneio Roberto Gomes Pedrosa 01/04/1967 Santos 1 x 1 São Paulo
Paulista 16/08/1967 Santos 0 x 0 São Paulo
Paulista 15/10/1967 São Paulo 2 x 2 Santos
Paulista 21/12/1967 Santos 2 x 1 São Paulo
Paulista 27/03/1968 São Paulo 2 x 5 Santos
Paulista 01/06/1968 Santos 3 x 1 São Paulo
Torneio Roberto Gomes Pedrosa 20/10/1968 São Paulo 0 x 0 Santos
Paulista 09/03/1969 São Paulo 0 x 3 Santos
Paulista 21/05/1969 Santos 1 x 0 São Paulo
Paulista 21/06/1969 Santos 0 x 0 São Paulo
Torneio Roberto Gomes Pedrosa 09/11/1969 São Paulo 1 x 1 Santos

SÃO PAULO X PALMEIRAS | O CHOQUE REI

Quem ostenta a maior série invicta no grande “Choque Rei” é o São Paulo, a invencibilidade chegou a treze partidas frente ao rival.
Foram cinco vitórias e oito empates.
A sequência começou em março de 1971, em partida do Campeonato Paulista, onde o Tricolor venceu de virada, 2 x 1.
O tabu se arrastaria até abril de 1974.
Os Palmeirenses se vangloriam dos 27 anos sem derrotas para o rival, foram 25 jogos de invencibilidade entre 1973 e 2000, mas apenas em Campeonatos Brasileiros, não caracterizando assim um tabu propriamente dito, pois houve derrotas em outros campeonatos.
A maior série de fato acumulou sete jogos, acontecendo por três vezes, entre os anos de 1975 a 1977, 1988 a 1991 e 1995 a 1997.
Os 13 jogos de tabu Tricolor
Taça Libertadores 24/04/1974 Palmeiras 1 x 2 São Paulo
Taça Libertadores 30/03/1974 São Paulo 2 x 0 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 20/02/1974 Palmeiras 0 x 0 São Paulo
Campeonato Brasileiro 25/11/1973 Palmeiras 1 x 2 São Paulo
Campeonato Paulista 15/07/1973 São Paulo 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 20/05/1973 Palmeiras 0 x 0 São Paulo
Campeonato Brasileiro 10/12/1972 São Paulo 2 x 0 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 22/11/1972 Palmeiras 0 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 03/09/1972 Palmeiras 0 x 0 São Paulo
Campeonato Paulista 21/05/1972 São Paulo 0 x 0 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 23/10/1971 São Paulo 1 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 27/06/1971 São Paulo 1 x 0 Palmeiras
Campeonato Paulista 21/03/1971 São Paulo 2 x 1 Palmeiras
A sequência mais recente Alviverde
Campeonato Paulista 29/03/1997 Palmeiras 1 x 0 São Paulo
Campeonato Brasileiro 29/09/1996 Palmeiras 2 x 1 São Paulo
Campeonato Paulista 28/04/1996 Palmeiras 3 x 2 São Paulo
Campeonato Paulista 14/02/1996 São Paulo 0 x 2 Palmeiras
Campeonato Brasileiro 26/11/1995 São Paulo 0 x 2 Palmeiras
Campeonato Paulista 16/07/1995 São Paulo 0 x 1 Palmeiras
Campeonato Paulista 02/07/1995 Palmeiras 0 x 0 São Paulo
Se você tem alguma fonte, artigo ou opinião que contradiz os nossos dados, levante a mão e envie seu conteúdo para nós, sua colaboração será muito bem vinda para a constante atualização do S4.
Envie um e-mail para: superfourpaulista@gmail.com
1,778SeguidoresSeguir
22,987SeguidoresSeguir

Jogadores da Rodada